15 de novembro de 2017 Tag:

As grandes mudanças que viajar sozinha pode proporcionar

Nesse post vou compartilhar algumas mudanças que aconteceram em minha vida, desde que comecei a viajar sozinha pelo Brasil, além de contar como foi o processo de decidir montar roteiros de turismo e compartilhar no Instagram. Eu já viajei muito, mas na maioria das vezes não escolhia meu próprio roteiro, frequentemente ia com companhia, sem planejamento, era só comprar as passagens e seguir o fluxo. Após passar um período de depressão, comecei a me sentir só, mas não era falta de pessoas, eu passei a sentir falta de mim mesma, percebi que  algo precisava mudar na minha vida. Na verdade grandes mudanças estavam acontecendo internamente, mas eu ainda não tinha consciência.

Eu decidi que não ficaria os finais de semana em casa, então eu comecei a pensar em viajar para cidades que fossem bem próximas, que eu pudesse ir em um dia e voltar no outro. Como nunca tive coragem de ir para os lugares sozinha, precisava ir em um lugar não muito longe. Então, decidi ir em Congonhas – MG, visitei a Basílica, almocei sozinha, me hospedei em um hotel que reservei pelo site da Booking.

Cassia Santana Congonhas MG

Viajar sozinha pelo Brasil - Cassia Santana

Eu senti uma felicidade tão imensa, era provavelmente a primeira vez que eu decidia tudo sozinha. Foi libertador! Quero esclarecer que viajar a dois é incrível, uma viagem em família é muito bacana, mas que viajar sozinha é também maravilhoso.

No outro final de semana eu estaria com meu filho, então escolhi Ouro Preto, uma cidade bem perto também. Decidi que iriamos na parte da manhã e voltaríamos à noite. Foi fantástico! Apesar de estar com outra pessoa, eu tomei todas as decisões.

Viajar sozinha cassia santana

Aí surgiu oportunidade de ir para Fortaleza – CE, nesse caso, foi aquela situação do fluxo. Eu só comprei as passagens, não fiz planejamento, não escolhi os passeios, exceto o último dia. Aliás, o Nordeste é uma das regiões mais caras do Brasil, com enorme diferença social, por isso mesmo me decepcionei um pouco com essa viagem.

Posteriormente fui para Belo Horizonte, amo turistar na capital de MG. Fiquei hospedada no Ibis da Praça da Liberdade e depois fui para o Adrena Sport Hostel, nunca tinha ficado em quarto compartilhado. Comecei a viver experiências inovadoras e sair da minha zona de conforto para economizar em viagens.

viajar sozinha pelo Brasil

Cassia Santana

A partir desse momento, eu tive um start de ideia sobre compartilhar no Instagram somente dicas de viagens pelo Brasil. Cada roteiro seria planejado com muito critério, levando em consideração a proximidade, o valor histórico  da cidade ou beleza natural. Essa proximidade minha, não são de outros e por isso decidi ir cada vez mais longe, no meu tempo, viajando pelo Brasil sozinha na maioria das vezes. Diamantina – MG a Chapada Diamantina na Bahia, tem até trilha sonora!

“Minha vida é andar por este país
Pra ver se um dia descanso feliz”

Do início até hoje, foram seis roteiros programados, são quase 20 cidades, sendo que a meta para 2018 é conhecer 40 cidades divididas por 12 roteiros. Se você ainda não me acompanha no Instagram, follow me @abracomundo, para não perder nadinha. Por lá eu compartilho vários outros detalhes, dicas para mulheres que viajam e para quem prefere montar seu próprio roteiro de turismo pelo Brasil.

E você, gosta de viajar de excursão, planejar seu roteiro ou viajar sozinha também?

Abraços!

 

Deixe seu comentário