31 de outubro de 2014 Tag: , ,

Educação é dica de filme

Hoje eu quero compartilhar uma dica de filme para assistir no final de semana: Educação. A atriz Carey Mulligan fez o papel de Jenny, uma estudante que pretende ir para Universidade Oxford, foi indicada ao Oscar de melhor Atriz. Além disso ganhou o BAFTA por sua excelente atuação no filme  “An Education”.

Quem me conhece sabe o quanto sou apaixonada por cinema e por isso mesmo gosto de indicar bons filmes que nos fazem refletir sobre o comportamento feminino.

Dica de filme bom

dica de filme online

O filme lançado em 2009 retrata a educação dos anos 60 onde as mulheres tinham em seu currículo aulas de culinária, latim e dança de salão.  A personagem Jenny é uma adolescente sufocada por sua realidade, quando conhece um  homem bem mais velho que a leva para festas, restaurantes, passa a vislumbrar um mundo diferente.  De repente ela se vê apaixonada, questionando escolhas, em uma época em que as alternativas eram se casar ou se formar para professora.

Jenny (Carey Mulligan) vive momentos de angústia com a situação: Casar ou ir para Oxford?

Frases de Jenny (Carey Mulligan)

“Devo escolher em fazer algo enfadonho para o resto da vida ou ir para Paris e me divertir?”

“Posso casar e continuar a ler?”

bons filmes online

Frases de Helen (Rosamund Pike)

“Não se preocupe com o Latim, dizem que em 50 anos a língua estará extinta, nem os próprios latinos (sic)  irão falar essa língua.”

“Você poderá ler, mas agora vai ler revistas, vai aprender muito mais….”

Classificado no gênero drama, reúne romance com pitadas de beleza em Paris e Londres. No youtube você encontra o filme online completo e legendado.

Fica a indicação para uma excelente reflexão sobre os valores da vida, pra pensar sobre nossas escolhas independente da época.

abraços!

29 de agosto de 2011 Tag: , ,

Pra Pensar: Porque mulheres amam sapatos?

É uma questão social e histórica! Pesquisas revelam que mulheres amam sapatos por questão de poder e status para o universo feminino. De acordo com o estudo comportamental, realizada pela Giacometti Comunicação, a relação da mulher com os sapatos é de “consumidoras- colecionadoras”.

Mulheres e sapatos

Vou citar dois filmes que tem o sapato como objeto de “discussão” social e capitalista.

No filme Filhos do Paraíso, duas crianças (menina e menino – irmãos) dividem o mesmo par de sapato para frequentar a escola. A grande questão do filme NÂO é SAPATOS, mas sim a diferença social.

No trailler abaixo é uma das cenas em que ela corre pra trocar com o irmão e quase perde um par do tênis, a inconveniência em ter que dividir um sapato e usar calçado de menino. Os sapatos é um dos objetos que definem a diferença de classe social, só os mais abastados é que possuem mais de um par de calçados, ou tênis.

no filme Sex and the City uma mulher deseja ter um closet, enorme, que comporte a sua coleção de calçados. O ápice do consumismo feminino e do desejo insaciável por pares de sapato. Ou seja, o problema não é a falta de um calçado, mas, como guardá-los.

Tem várias cenas do filme que demonstra o desejo da personagem por sapatos da moda e sua paixão pelos modelos de Manolo Blahnick. Em uma delas Carrie Bradshaw conhece o apartamento que irá morar, em um closet vazio coloca seu novo par “exemplar” azul do estilista espanhol.

mulheres amam sapatos de salto modelo azul manolo espanhol
Imagem Reprodução

 

Você já comprou algum sapato que nunca usou? Já comprou mesmo não sendo confortável? Já comprou um modelo ‘bizarro”?

Sapato é objeto de desejo, toda mulher é uma colecionadora em potencial.

abraços!