11 de junho de 2014 Tag: , , , ,

Dicas para conhecer Ouro Preto MG

Com tanta beleza aqui por perto, escolhi Ouro Preto/MG para iniciar um guia de viagem com minha percepção sobre o interior mineiro. Engraçado que já comentei com algumas pessoas que é a cidade mais óbvia para conhecer perto de BH, então eu até preferia escrever sobre outros lugares pouco divulgados. Mas, no ano passado fiz uma enquete na FANPAGE do blog Abraço Mundo e Ouro Preto foi a cidade mais citada.

Dicas de viagem ouro preto mg

Esse post é um roteiro de férias com dicas de turismo em Minas Gerais, mais precisamente cidades próximas a Belo Horizonte.

Dá uma olhada na enquete da fanpage: Qual seria o seu destino de viagem próximo a Belo Horizonte?

Publicação by Abraço Mundo.

roteiro turístico Ouro Preto MG

>> Conheça pelo menos a igreja São Francisco de Assis, que fica próxima da feira pedra sabão e possui obras de Aleijadinho. Nem que seja para fazer uma fotografia na entrada, a igreja é uma das mais famosas na cidade. Não abre segunda-feira, verifique antes programação com horário.

>> Passe pela feira de pedra sabão com artesanato mineiro, fica quase em frente a igreja São Francisco de Assis.

>> Visite o Museu da Inconfidência Mineira que fica na praça Tiradentes, muita cultura e história brasileira. No final tem uma parada para o café, e posso dizer com propriedade que tomar um cafezinho em Ouro Preto são #outros500 na vida.

>> Vá em sentido à rodoviária e entre no parque Vale dos Contos, aí você desce da parte alta até a parte baixa por um horto maravilhoso, passando no final pelo Museu Casa dos Contos. No mapa do parque tem lanchonete, quando fui estava interditada e com pouca infra-estrutura de lazer. Leve água e lanches integrais.

>> A estação Ferroviária fica aberta de terça a domingo, o passeio com viagens de Maria Fumaça acontece somente no fim de semana – Eita que é tudo de bom uma vista da Maria Fumaça de Ouro Preto a Mariana, ida e volta.

saiba mais sobre Ouro Preto mg

Um fato interessante sobre a cidade é que possui duas características muito marcantes e extremamente opostas. Ao mesmo tempo que recebe influência religiosa e conservadora; sendo conhecida pelo número de belas igrejas ou arquitetura barroca. Também é cidade do carnaval, com várias repúblicas que acomodam os estudantes da UFOP. Portanto, a histórica Ouro Preto recebe turista de todas as idades. Só há uma ressalva para quem viaja com crianças que não gostam de fazer caminhadas e não se adequam às festas da noite.

Em Ouro Preto é possível conhecer obras de Aleijadinho e curtir grandes festas como o festival de inverno. Para quem não gosta de muita gente é bom pesquisar mais sobre os eventos, algumas ficam bem tumultuadas.

Outra grande questão sobre a antiga Vila Rica são as ruas calçadas em pedra sabão, bem estreitas, com ladeiras moldadas pelas casas que se agrupam junto parecendo apoiar umas nas outras. Fica difícil locomover de carro, para caminhadas use sapatos salto baixo e confortável.

Ouro Preto possui uma variedade enorme em pousadas e hotéis, dos mais luxuosos aos mais simples, são super aconchegantes nessa época do ano. Da penúltima vez que fui à cidade fiquei na pousada Solar da Ópera situada na rua Direita, tem café da manhã com um chá da tarde incluído na diária. A vantagem de ficar bem próximo á praça Tiradentes é também ficar no ponto central de onde tudo converge.

Confere o guia com os 26 melhores estabelecimentos de hospedagem na cidade.

A comida mineira é um capítulo à parte, vale sair da dieta e aproveitar as delícias de Minas Gerais. Aproveite!

O que acharam desse roteiro de Ouro Preto? É irresistível, não é mesmo?

Abraços!

13 de maio de 2014 Tag: , ,

Guia cultural BH para conhecer melhor a cidade

Em breve já é Copa do Mundo. Para quem ainda não conhece as melhores dicas de turismo em BH, selecionei um Guia cultural da capital mineira. Assim podemos aproveitar melhor cada cantinho da nossa cidade, antes mesmo do que qualquer turista estrangeiro que chegará em junho de 2014, né?

Guia cultural para conhecer BH

Eu estou lendo um livro sobre viagens que diz que cada um de nós devemos ser um pequeno embaixador da nossa cidade, promover as belezas que conhecemos e saber sobre os melhores lugares onde passear. Devemos curtir o local que vivemos como se fôssemos turistas, visitar um novo parque, um novo restaurante, um bairro distante. Turistar de verdade, independente de uma viagem!

Guia cultural de turismo nacional

Sou até suspeita, porque sempre fiz muita propaganda de Belô, amo radicalmente e conheço muito bem nossa BH. Na primeira imagem tem quatro pontos turísticos  que vale a pena conhecê-los de pertinho, tanto de dia quanto de noite. Pampulha, centro e Mangabeiras; de norte a sul da cidade é possível encontrar bares e parques.

Que tal um passeio pelo Circuito Cultural Praça da Liberdade, ou nos espaços do Centro? Começou ontem a 12ª Semana Nacional de Museus; o Museu de Artes e Ofícios – que fica na praça da estação, promove programação especial que vai até sexta-feira (16/05/2014). Com edições especiais às 19h30 e com entrada gratuita,  confere informações no site do museu.

Guia cultural com FIT 2014

Outra oportunidade com lazer é o Festival Internacional de Teatro que acontece até o dia 25 de maio, são apresentações gratuitas nos parques e praças. Confere no site a grade com programação e o local de cada apresentação pública.

Para chegar na Copa do Mundo sabendo um pouco mais sobre futebol mineiro, vale conferir exposição no Museu Abílio Barreto: Belo Horizonte F.C. – Trajetórias do futebol na capital mineira”. Mostra com detalhes sobre o início, a profissionalização e a popularização do futebol na capital mineira, entrada franca.

Programe seu Guia Cultural e chegue na Copa do Mundo expert em pontos turísticos da capital, para nenhum estrangeiro botar defeito!

 Abraços!

 

 

13 de março de 2014 Tag: , , , ,

São Bento do Sapucaí e o turismo de aventura

Considerada a capital paulista do montanhismo e de escalada em rocha do país, São Bento do Sapucaí é uma boa pedida para os amantes da natureza e por aqueles que são apaixonados por esportes radicais. Apesar de ser vizinha de Campos do Jordão, interior de São Paulo, São Bento não se assemelha em nada com a cidade de inverno mais famosa da região – a não ser pelos excelentes restaurantes e pousadas de qualidade que ambos os lugares oferecem.

Na realidade, o que mais atrai turistas para São Bento do Sapucaí mesmo é a aventura que a natureza lhes reserva. Afinal, o que não faltam nesta região são oportunidades para atividades em grandes altitudes, imensas cachoeiras, paredões rochosos e um ambiente perfeito para rapel, voo livre, jumping, e todas as modalidades com ciclismo e motociclismo! Demais, não?

As regiões que concentram estas atividades esportivas e de aventura é na Pedra do Baú e suas proximidades. Mas é claro que, para praticar todas estas modalidades esportivas que a cidade oferece é preciso de equipamentos de segurança para isso. Lá, as agências de ecoturismo possuem acessórios adequados, além de guias para garantir que o seu passeio seja realizado com segurança.

Ecoturismo em São Bento do Sapucaí

São Bento do Sapucaí – Primata Turismo

O encanto desta cidade não gira em torno somente da natureza: o centro de São Bento do Sapucaí também merece destaque com suas ruazinhas pacatas, que, no Carnaval, são preenchidas com muita folia e bonecos gigantes do Bloco do Zé Pereira, tradicional na região! Fora desta época, o centrinho continua chamando atenção com suas belas pousadas. Também vale muito a pena visitar os pontos culturais, como casas de artesanato, Casa da Cultura e a Igreja Matriz.

Para quem gosta de experimentar comidas diferentes e tem aquela paixão por comida caseira, aqui é o lugar certo. Aliás, comida caseira e caipira são especialidades dos restaurantes de São Bento! Geralmente, as comidas são servidas no sistema self service e, claro, aquecidas diretamente  no fogão à lenha. Aos aventureiros de plantão que sonham com uma confortável cama no final de um dia bastante cansativo, as pousadas de São Bento do Sapucaí contam com excelente infraestrutura, além de visuais surpreendentes – como vistas panorâmicas das montanhas da Serra da Mantiqueira.

Ecoturismo e rapel em São Bento do Sapucaí

Procurando Turismo

Conheça outros pontos turísticos de São Bento do Sapucaí:

Bairro do Pinheiro: esta região costuma ser o ponto de encontro de pessoas que curtem fazer uma boa escalada. Isso porque lá se encontra a Pedra da Divisa, que oferece níveis médios e difíceis de escalada.

Bairro do Cantagalo: já para quem é apaixonado por ciclo-turismo, a estrada de acesso ao bairro é uma ótima opção, pois oferece trechos variados para pedalar (planos e subidas). Além disso, o circuito traz belas paisagens, como de áreas montanhosas e fazendas centenárias. Se você ainda tiver pique, uma boa pedida é pedalar até o topo da Pedra do Cruzeiro, que possui mais de mil metros de altitude! Mas a vista que você terá do povoado de Luminosa MG, o observatório de Brazópolis, além de um maravilhoso vale rodeado por imensas montanhas, valerá a pena todo o cansaço do trajeto para chegar até lá.

Mapa para São Bento do Sapucaí

fonte da imagem: Brasil Camping

Se você não conhece a redondeza de São Bento do Sapucaí, aqui vão algumas dicas: a cidade é margeada pelo SP-050. À esquerda da rodovia, você encontrará uma área com numerosas pousadas, concentradas no bairro Serrano. Enquanto se você for pela direita da rodovia haverá uma considerável opções de hospedagens, como no bairro do Quilombo. Já se você seguir pela Estrada do Paiol Grande, sentido Campos do Jordão, você encontrará o acesso para a Pesca da Montanha e para a Pedra do Bauzinho, que dará acesso à do Baú.

Aproveite o turismo no Brasil, boa viagem!

Abraços!

2 de março de 2014 Tag: , , ,

Paraty na Costa Verde do Brasil

Localizada na região Costa Verde do Brasil, sul do Rio de Janeiro, a cidade de Paraty é uma daquelas regiões que devem sempre estar na nossa lista de lugares a serem visitados – principalmente para nós, brasileiros, que estamos tão perto deste paraíso! Repleta de histórias e belezas naturais, a cidade oferece festas tradicionais durante todo o ano e atividades que interagem com a natureza que são incríveis.

Motivos para conhecer a região não faltam, e por isso ela é a escolhida por muitos turistas quando o objetivo é relaxar e admirar as belezas que só Paraty oferece. Para você aproveitar as melhores atividades na primeira oportunidade que você estiver por lá, aqui vai uma lista com as melhores dicas de passeio que existem na região! Preparado para se encantar? Então aqui vai:

Paraty na costa Verde do Brasil

1. Passeio de Escuna

Esta atividade não pode faltar em sua estadia em Paraty. Mas, para aproveitá-la para valer, é preciso separar um dia só para este passeio, pois ele tem duração de cinco horas. Você terá a oportunidade de conhecer diferentes praias e ilhas em um único dia! Quem viajar com um grupo grande, por exemplo, é possível alugar um barco só para os conhecidos.

2. Mergulho em aquários naturais

O mais legal é que durante as paradas no passeio das escunas, você poderá aproveitar os lugares paradisíacos que o barco te levar e dar um mergulho em águas limpas e “transparentes”, sendo possível observar peixes nadando ao seu redor. Incrível!

Praias de Paraty na costa Verde do Brasil

3. Trindade

A vila de pescadores de Trindade te garantirá um encantamento à primeira vista, só  30 quilômetros de Paraty.  Pelo fato de lá ter muitas praias para conhecer, você pode reservar alguns dias da sua viagem para se hospedar em pousadas em Trindade para aproveitar ao máximo a sua estadia por lá. É obrigatória a passagem pelas praias de: Praia Brava (selvagem, a praia tem acesso por trilha a partir da estrada para Trindade), Praia do Cepilho (frequentada por surfistas, esta tem acesso de carro, e também possui barzinhos), Praia de Fora ou dos Ranchos (com bares oferecendo deliciosos petiscos e batidas, é considerada uma das praias mais extensas da região), Praia do Meio (considerada um dos cartões portais de Paraty! Ela possui águas calmas e apresentam ambiente intimista) e Cachadaço (excelentes visuais! Acessível somente por trilha, esta praia possui grandes formações rochosas que formam uma piscina natural de água do mar).

4.Cachoeiras

Quem não gosta de um bom banho de cachoeira e renovar suas energias? Uma dica em Paraty é a Cachoeira da Pedra Branca, que oferece duchas naturais no local, além de pequenas piscinas.

Paraty na costa Verde do Brasil é artesanato

5.Turistando: lojas de artesanato

Turista não é turista se não passar em uma loja de artesanato e levar uma lembrança da viagem, não é mesmo? E o que não falta em Paraty são opções de artesanato: tecido, madeira, fibras vegetais. Ou seja: tem presentes para todos os bolsos e gostos!

6. Cultura

A Casa da Cultura funciona em um casarão, aberta ao público desde 2004. Lá você encontra exposições sobre a história da cidade e dos moradores. Outro lugar cultural interessante para visitar é o centro histórico, localizado entre o Rio Perequê-Açu e a Baía de Paraty. Estes passeios são destinado àqueles que gostariam de conhecer um pouco mais sobre a região. Muito válido!

Costa Verde do Brasil com Paraty em festa

7. Caminho do Ouro

Construída por escravos entre os séculos XVII e XIX, a estrada foi usada para trazer ouro (ela ligava os estados de RJ, SP e MG). Preservado, o Caminho de Ouro é cercado pela Mata Atlântica do Parque Nacional da Serra da Bocaina. Lá você encontra cachoeiras, alambiques e uma paisagem imensurável.

Eu fiquei mais interessada na região por conta do Paraty em Foco, festival internacional, que acontece anualmente para desenvolvimento da produção e arte fotográfica. Aguardando ansiosamente a programação 2014 e torcendo para que eu possa viajar ao futuro com a fotografia.

Abraços!

19 de fevereiro de 2014 Tag: ,

Aplicativos para android que facilitam minha vida

Não sei como ainda não tinha pensado em instalar mais aplicativos para android no meu aparelho, depois de aderir ao Whatsapp resolvi buscar novos apps para dar uma ajudinha no meu estilo de vida. Ontem resolvi checar o Google Play Store com calma e fiquei  impressionada com a quantidade do conteúdo para esse sistema; é possível visualizar uma série de jogos, músicas e aplicativos divididos por categorias.

Aplicativos para android que facilita programar viagens

Já fui logo checando os apps gratuitos para fotografias e viagens. Quero testar alguns para fotos no Instagram e depois indicar com calma. Em relação a viagens fiquei um pouco decepcionada, a minha expectativa foi muito grande e a princípio não consegui me interessar por quase nada além do SkyScanner. Para quem ainda não conhece é um buscador de preços de passagens aéreas e hotéis no mundo, tem o site e o aplicativo para android.

Depois de algumas outras visitas encontrei um app interessante para quem vai passar o carnaval em São Paulo ou Rio de Janeiro, tem orientações sobre local de desfile, enredo e muito mais.

dieta dukan e aplicativos para android

Outra categoria que conferi várias vezes foi sobre estilo de vida, e o que mais me interessou foi o receitas da Dieta Dukan. Algumas amigas tem seguido o cardápio do Dr. Dukan e tem sido um sucesso!

Preciso muito me disciplinar a seguir um cardápio para redução de peso e esse aplicativo tem bastante receita legal e variada.

aplicativos para android que facilita organização da vida diária

O terceiro aplicativo que resolvi instalar foi o Closet Organizer (confesso que não gostei), atualmente estou com pequenos espaços para guardar roupas; não é assim um closet. Mas, preciso de algumas ideias para melhor organizar roupas e sapatos.

Outro app que parece ser interessante é o Life Organizer, só que ainda não tenho uma impressão formada sobre esse aplicativo que ajuda na produtividade, organização do tempo e tarefas diárias; vou testar com calma.

Compartilhe uma dica de aplicativo para android nos comentários!

Abraços!

8 de fevereiro de 2014 Tag: ,

Sites específicos sobre Belo Horizonte que vão facilitar o seu turismo na capital mineira

Sempre que viajamos para uma cidade a turismo, o que procuramos? Cultura e entretenimento, mas antes de aproveitar tudo que a cidade possa nos proporcionar é preciso informação. Foi pensando nisso que resolvi separar alguns sites específicos que me ajudam muito com dicas sobre Belo Horizonte e que com certeza vão ser úteis para você que deseja conhecer a cidade que conquista.

Tudo sobre Belo Horizonte e conexão aeroporto

SAIBA MAIS SOBRE BELO HORIZONTE, AEROPORTO DE CONFINS E CIDADES PRÓXIMAS AO SEU ENTORNO

No site oficial da cidade: http://www.belohorizonte.mg.gov.br é possível acompanhar informação sobre eventos, hospedagens, atrativos. Bem completo, incluindo um guia com roteiro de lugares para visitar em BH.

SouBH é sobre Belo Horizonte

Imagem registrada no Museu Inimá de Paula: Exposição Carinhos d’alma de Patrícia Krug. Para saber mais sobre cultura da cidade acesse sites  específicos sobre Belo Horizonte.

O portal SouBH divulga a cultura da cidade em formato bem dinâmico com fotografias e vários blogs. Além disso possui uma categoria de informação sobre eventos com entrada franca, o que é primordial para quem precisa conhecer mais gastando pouco.

Arte, gastronomia e muito mais sobre Belo Horizonte

Restaurantes, histórias da cidade ou Inconfidências Mineiras; tudo isso e muito mais na revista on line sobre a capital mineira.

No site Veja BH tem lista de notícias, crônicas, reportagens; é a edição on line da revista. Tem também os restaurantes classificados por bairros e especialidades.

Saiba mais sobre Belo Horizonte e Praça da Liberdade

O maior complexo integrado de cultura em BH, na região centro-sul

Acesse Circuito Cultural Praça da Liberdade para informação sobre o complexo com nove museus na região centro-sul da cidade Belo Horizonte.

Indique um site sobre BH nos comentários e complete o TOP Five com dicas sobre nossa cidade.

Abraços!

20 de janeiro de 2014 Tag: ,

Imagina na copa?

Quem está passando férias em algum lugar do Brasil com preços abusivos, pouca infra-estrutura e congestionamento dos lugares turísticos? A frase: “Imagina na copa” com certeza é recorrente!

Agora é sério: imagina na copa como será nosso comportamento diante do turismo e das possibilidades de crescimento econômico? Cheguei a cogitar a hipótese de viajar para fora do país  nessa temporada, mas pensando bem fica impossível resistir a tentação de captar alguma imagem extraordinária nesse período inesquecível do Brasil. Ainda mais depois de ler dois textos incríveis no viaje na viagem.

Imagina na copa? Keep Calm

Leia também:

Onde vão ficar baseadas as 32 seleções.

Vale a pena fugir da copa?

Para quem ama fotografias esse será um momento especial de conexão entre arte e futebol, com direito a documentação da informação. Nada mais justo que eu queira aproveitar essa oportunidade para realizar algum projeto fotográfico.

Aqui de vez em quando eu faço palavras em fotos. Imagina na copa?

E você costuma imaginar? 

Abraços!

8 de dezembro de 2013 Tag: , , ,

Couchsurfing: Turismo de sofá!

Fica até engraçado falar sobre turismo de sofá em pleno domingo. Parece que vamos viajar só pela televisão, lendo um bom livro, curtindo uma preguiça deitados no sofá da nossa sala. Na verdade aqui tem dicas sobre economia com viagem. Quer viajar barato e não sabe onde hospedar? Então, quero comentar sobre o Couchsurfing, continue lendo.

Em 2003,  o  americano Casey Fenton,  foi  a  Islândia após  comprar  uma passagem bem barata e se deparou com a difícil tarefa de encontrar lugar para se hospedar sem gastar dinheiro. Sem ter pra onde ir, Fenton resolveu mandar mais de 1500 emails pedindo pra que alguma família o abrigasse oferecendo apenas  um sofá e,  para  sua  surpresa,  recebeu  50  respostas positivas. Após ter férias incríveis, passando por vários lugares e trocando muita  experiência, surgiu  a  ideia  de  fundar  uma  rede  em  que  pessoas pudessem se comunicar de maneira segura com a finalidade de conseguir ou  oferecer  hospedagens  no  mundo  inteiro.  Foi  aí  que  surgiu  o Couchsurfing  (surfe  de  sofá),  novidade  que  pode  parecer  estranha  a princípio, mas que vem fazendo a cabeça de muita gente.

Couchsurfing no mundo hospedagem diferenciada

Fonte da imagem: Cargo Colletive

 

COMO FUNCIONA O COUCHSURFING?

É como  uma  rede  social  especializada  nesse  tipo  de turismo com intuito de viajar barato. Nela há a troca de testemunhos e votos de confiança, atribuídos tanto às pessoas que se hospedaram quanto àqueles que receberam alguém em sua casa. O resultado é que os membros vão ganhando credibilidade, o que torna a viagem muito mais segura. O sistema  é  totalmente  gratuito  e  a  hospedagem  também,  mas quem preferir  pode  pagar  uma  taxa  bem  pequena  que  fará  com  que o Couchsurfing  se  responsabilize  por  descobrir  um  pouco  mais  sobre os anfitriões enviando, por exemplo, uma carta com código de segurança para confirmar que o endereço realmente existe.

Quase tudo pode ser especificado no formulário de registro: quem oferece pode dizer as condições da moradia, se o turista dormirá no sofá da sala ou se terá um quarto só para ele, se mora em casa ou apartamento, quantas pessoas residem na casa,  sua profissão, se tem animais,  se possui horas livres para passeios para mostrar a cidade e o que há pra se fazer em locais próximos. Quem está  buscando  um lugar  procura  na  base  de  dados  os locais que mais lhe agradam no país que quiser visitar. Não há regras para esse tipo de viagem mas é claro que algumas coisas são fundamentais  na  intenção  de  estabelecer uma  convivência  agradável.  A ideia principal é a troca de experiências, então é importante que o hóspede esteja disposto a conversar e criar laços com os moradores. Também é ideal que  ele  se  sinta  como  um  membro  da família,  e  isso  inclui  os  bons momentos, como passeios e jantares, mas também os deveres de limpeza e arrumação do ambiente, caso seja necessário.

couchsurfing no mundo

Fonte da imagem: Eurotravel blog

Couchsurfing no Brasil:

Com a chegada de grandes eventos esportivos ao Brasil nos próximos anos,a procura de hospedagens por estrangeiros vai ser muito grande. Depois dessa novidade, os hoteis e o aluguel de imóveis no RJ – Rio de Janeiro não são mais as únicas opções. Se você achou legal, pode se cadastrar no site <<“Couchsurfing” >> e receber em sua casa alguém que pode ampliar a sua visão de mundo. Ainda por cima, se tornar um amigo que venha a te oferecer hospedagem quando você quiser ir pro outro lado do mundo. Conhecer  gente  nova,  descobrir  novas  culturas, visitar  lugares  que  não constam nos  guias  e  que você jamais  conheceria  se participasse  de  um turismo  comum  e,  tudo  isso,  gastando  pouco  dinheiro.

Essa é a ideia principal dessa nova maneira de viajar que promete revolucionar o turismo e conectar pessoas em todo o planeta.

Abraços!